in

Irving Gotti: biografia, família, salário e bens

Patrimônio líquido: $ 14 milhões
Data de nascimento: 26 de junho de 1970 (51 anos)
Gênero: Masculino
Profissão: Produtor musical, músico, cantor, rapper, compositor
Nacionalidade: Estados Unidos da America

Patrimônio líquido de Irv Gotti:

$ 14 milhões

Patrimônio líquido de Irv Gotti: Irv Gotti é um produtor musical de hip-hop e R&B americano com um patrimônio líquido de $ 14 milhões. Gotti é talvez mais conhecido como o CEO e co-fundador da Murder Inc., uma renomada gravadora de hip-hop. Dito isso, Gotti também trabalhou extensivamente como DJ e produtor musical, ajudando a criar uma série de sucessos de alto perfil ao longo dos anos. Ele trabalhou com nomes como Ashanti, Ja Rule, Jennifer Lopez, Jay-Z, DMX, Kanye West e muitos outros. Irv também é um experiente executivo de gravadoras, extremamente familiarizado com o lado comercial da música.

Fora dessas conquistas, Gotti também atua no mundo da televisão, tendo criado a conhecida série BET “Tales”. Irv provavelmente experimentou seu pico durante os anos 90, embora ele continue a criar música até hoje. Além disso, Gotti é conhecido por suas questões jurídicas e controvérsias ao longo dos anos. Como muitas outras figuras da comunidade hip-hop, ele se envolveu em uma série de rixas com celebridades como 50 Cent e outras. Também há rumores de que ele tem um extenso histórico criminal, e parece que ele foi incapaz de ficar longe de problemas, mesmo depois de “fazer sucesso” como produtor musical.

Início da vida: Irving Domingo Lorenzo Jr. nasceu em 26 de junho de 1970 em Hollis, Nova York. Ele foi criado ao lado de seu irmão Chris, e a dupla mais tarde fundaria a Murder Inc. juntos. No total, Irving tinha sete outros irmãos. Seu pai era motorista de táxi e a família tinha dificuldades econômicas. Lorenzo Jr. acabou sendo convencido a se envolver no tráfico de drogas para ganhar dinheiro. Felizmente, essa incursão no crime foi interrompida pelas autoridades, que pegaram Irving logo depois que ele começou a vender crack e coca. Mesmo que Lorenzeo Jr. supostamente “tenha ido direto” depois desse ponto, ele ainda era amigo de vários gângsteres em sua vizinhança.

Carreira: a vizinhança de Irving foi uma grande fonte de novos talentos para o crescente mundo do hip-hop no início dos anos 90. Gotti se tornou um jovem produtor promissor e, eventualmente, lançou “The Natural” em 1995, junto com Mic Geronimo. No entanto, ele realmente se destacou depois de ajudar a produzir o álbum de estreia de Jay-Z em 1996, “Reasonable Doubt”. O álbum colocou Irv Gotti no mapa, e logo ele estava trabalhando com alguns nomes muito grandes. Foi Jay-Z quem primeiro sugeriu que Lorenzo Jr. mudasse seu nome artístico para “Irv Gotti” em homenagem ao notório chefe do crime de Nova York, John Gotti.

Nesse período, Gotti também passou a trabalhar como caçador de talentos e representante de artista e repertório de diversas gravadoras. Com essa experiência, ele conseguiu fazer um progresso considerável em sua jornada para se tornar um executivo de gravação de sucesso. Ele logo começou a trabalhar para a Def Jam Records, apesar de admitir para Lyor Cohen que planejava “tornar-se ele e destruí-lo”. Ele quase imediatamente apresentou Def Jam ao rapper DMX, que logo se tornou uma lenda absoluta. Gotti também convenceu Jay-Z a se juntar à Def Jam.

Agora um jogador estabelecido na cena do hip hop, Irv finalmente percebeu seu objetivo de criar sua própria gravadora em 1999. Def Jam apoiou totalmente, tornando-se 50% dos sócios da Murder Inc. e dando a Gotti um empréstimo de $ 3 milhões para começar seu novo risco. Murder, Inc. tornou-se então um sucesso incrível, lançando uma série de sucessos ao longo dos anos. Em 2001, ele produziu o grande sucesso “What’s Luv?” apresentando Fat Joe, Ashanti e Ja Rule. Ele também trabalhou com Jennifer Lopez em uma série de sucessos, incluindo “I’m Real” e “Ain’t It Funny”. Apesar das questões jurídicas notáveis ​​após a virada do milênio, Gotti continuou a lançar músicas ao longo das décadas. Em 2008, ele trabalhou com The Game para produzir o single “Nice”. Entre 2018 e 2019, ele trabalhou extensivamente com Kanye West.

Imóveis: Em 2018, foi relatado que Lorenzo Jr. comprou uma casa em Encino por US $ 3,636 milhões. A casa só foi construída um ano antes e foi descrita como tendo uma estética de “casa de fazenda”. A casa fica em um terreno de um quarto de acre que possui uma piscina, um pátio coberto e uma fogueira. No interior, a residência de 6.600 pés quadrados ostenta amenidades como um closet e uma varanda privada, juntamente com cinco quartos.

Polêmica: Em 2003, as autoridades estavam começando a alcançar Irv Gotti. Após uma investigação, eles invadiram os escritórios da Murder, Inc. e apresentaram acusações de lavagem de dinheiro. As autoridades alegaram que Lorenzo Jr. e seu irmão tinham ligações com chefões do tráfico de drogas em Nova York, incluindo Kenneth “Supremo” McGriff. Foi finalmente revelado que McGriff havia investido pesadamente em “Crime Partners”, um filme criado pela Murder, Inc.

Não ajudou o fato de Gotti ter batizado oficialmente seu estúdio no SoHo de “The Crackhouse” e feito tentativas legítimas de se pintar como um chefão do tráfico por seus próprios méritos. Várias canções conhecidas continham letras sugerindo que Gotti estava consideravelmente envolvido com atividades criminosas. No entanto, como a maioria dos fãs de hip hop sabe, muitas figuras nessa indústria gostam de criar uma persona fictícia para ajudar no processo de marketing pessoal.

A certa altura, Gotti enfrentava uma sentença de 20 anos por lavagem de dinheiro. Em 2005, ele foi absolvido de todas as acusações. Posteriormente, foi determinado que Gotti e McGriff eram essencialmente amigos de infância que cresceram no mesmo bairro pobre, e havia poucas evidências apontando para uma atividade criminosa real.

0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
bio 27

Barry Diller: biografia, família, salário e bens

9 1

Predição de preço Unizen (ZCX) 2022, 2025, 2030